385

ICSI

Microinjeção intracitoplasmática de espermatozoides

(IntraCytoplasmic Sperm Injection)

É uma técnica usada nos tratamentos de Fertilização in Vitro que consiste em injetar um espermatozoide com a ajuda de uma micropipeta diretamente dentro do ovocito para obter a fertilização.

Na Fertilização In Vitro convencional, cada ovocito é inseminado com 100.000 espermatozoides móveis; um deles, aleatoriamente, penetra na membrana do óvulo.

No passado, a técnica ICSI era usada quando a quantidade de espermatozoides móveis era baixa. Atualmente, indica-se também em muitos outros casos para aumentar a taxa de fertilização.

Para ter sucesso num tratamento de FIV, devem ser fertilizados uma média de 75% dos ovocitos maduros. Em alguns casos, a fertilização não ocorre ou é alcançada em porcentagens muito baixas; pode ser porque a membrana do ovocito o dificulta ou porque os espermatozoides têm alteradas na cabeça as substâncias que perfuram essa membrana. É por isso que a técnica ICSI é indicada no primeiro ciclo de FIV, em casos de esterilidade de origem desconhecida, quando há poucos óvulos ou se não queremos deixar o azar influenciar as possibilidades de ter um bom resultado no nosso tratamento.

A técnica ICSI é recomendada para tentar garantir a fertilização e evitar falhas. É muito triste descobrir que no dia seguinte à FIV nenhum óvulo foi fertilizado.

Disponível por encomenda a fornecedor

Tratamentos aos quais você pode adicionar esta técnica

Selecione também o tratamento com o qual combinar essa técnica e adicione-a ao seu orçamento.

Outras opções que você pode precisar

Adicione-os também ao seu orçamento e calcule o custo total.

Pide una cita gratuita

Rellena el formulario y nos pondremos en contacto contigo para concretar una cita con un experto. 

Marca uma consulta: Primeira visita gratuita

Preencha o formulário e entraremos em contacto consigo para marcar uma reunião com um perito.